Clericot: uma bebida interessante – Por Maria Teresa

1890

Olá, queridos leitores!

Iremos falar um pouco da origem de uma bebida muito especial e refrescante: o Clericot. Vamos aprender a fazer essa opção de bebida fácil, versátil e bem apropriada para dias quentes. Vale fazer também quando você quer impressionar e caprichar na recepção de alguém especial.

O Clericot teve origem na França, no século XIX, para ser mais preciso. Era composto por suco de limão, xerez, brandy e soda. Da França foi para a Argentina e Uruguai, onde a bebida se consagrou.

 A receita usada como inspiração foi a sangria, e no lugar do vinho tinto, começou a ser preparada com vinho branco ou espumante, cubos de fruta e açúcar. O vinho deve ser seco, já que as frutas têm o açúcar necessário para deixar a bebida doce. As jarras ideais são aquelas bojudinhas e com bico dobrado, para reter as frutas enquanto o líquido é servido.

A bebida pertence à família dos ponches (misturas de bebidas alcoólicas com não alcoólicas) e que em algumas versões, incluem frutas. Atualmente, existem diversas variações para o preparo do Clericot, que podem incluir vodca, tequila e até mesmo o saquê.

As frutas mais usadas são: maçã, abacaxi, morango, kiwi, uva e laranja. No entanto, você pode usar as frutas de sua preferência. O ideal é que a bebida fique colorida, geladinha e bem atrativa.

 Vamos montar nosso Clericot?

CLERICOT

 Ingredientes

 1 garrafa de vinho branco seco (ou espumante)

1 maçã picada com casca

1 kiwi

2 ameixas frescas

2 rodelas de abacaxi

Uvas a gosto

½ laranja cortada em rodelas com a casca

2 colheres (de sopa) de açúcar

1 xícara (de chá) de club soda (ou refrigerante de limão)

Modo de Preparo:

Antes de começar a fazer, deixe os ingredientes gelando na geladeira.

Pique as frutas (tire as sementes) e coloque em uma jarra. Acrescente o vinho, o club soda ou refrigerante de limão. Coloque o açúcar, mexa muito bem e acrescente gelo.

Sirva bem geladinho.

Deixe o seu comentário