Dicas para combater a procrastinação – por Arlene Torres

68

No meu e-book, A Quarta Jornada da Mulher, trago diversas dicas práticas de como dar conta da tripa jornada de trabalho, um mal que acomete as mulheres modernas. Um dos caminhos para chegar a esse objetivo é sendo mais produtiva e não podemos falar em produtividade sem falar em combate a procrastinação.

Caso você não saiba exatamente do que se trata esse “palavrão”, nada mais é do que o hábito de adiar determinadas tarefas e afazes. Infelizmente, isso é um problema que afeta a todos, só que em níveis diferentes. O mais preocupante de todos os níveis é a procrastinação crônica que é exatamente quando adiamos as tarefas constantemente de um modo que isso nos impede de evoluir.

Independente do nível que que você esteja, separei para esse post 7 dicas que você pode adotar hoje para combater a procrastinação e se tornar uma mulher mais produtiva.

 

Dica 1: Lista de perdas e ganhos

Pense no que você perde ou deixa de ganhar adiando uma determinada tarefa. Pense também no que você ganha, em quais as vantagens ao finalizar a tarefa. Quando você entende e reflete sobre essa relação de perdas e ganhos, uma das duas visões vai te levar à ação.

 

Dica 2: Por partes

Se a tarefa for muito longa, dívida em algumas etapas, colocando intervalos entre elas. Assim, você não se sente cansado ou não desestimula no meio do caminho.

 

Dica 3: Faça associações

Se você está diante de uma atividade que não é agradável e que não pode ser delegada, tente associá-la a uma coisa que você goste. Vamos imaginar que você não gosta de lavar louça ou cozinhar, por exemplo, e que você gosta de ouvir música. Por que não associar as duas coisas? Lave as louças e cozinhe ouvindo suas músicas preferidas. Eu acredito que muita gente acaba fazendo isso intuitivamente, sem ter a consciência que se trata de uma técnica. Mesmo para essas pessoas, será importante fazer isso de forma consciente e proposital. Elas irão conseguir gerar associações agradáveis a outras tarefas que podem estar procrastinando.

Um outro exemplo de associação positiva é quando mudamos o ambiente. Fazer um trabalho em um parque, à beira da piscina ou no cômodo preferido da sua casa pode te motivar bastante a executar alguma tarefa que você não goste.

 

Dica 4: Pensando fora da caixa

Se existe uma tarefa que você não gosta ou que não está conseguindo tempo para encaixar na sua rotina, pense se há uma forma diferente de executá-la, se existe alguma ferramenta que acelera o processo e reduz o tempo de execução. Você pode conversar com pessoas que conhece para saber como elas executam determinada tarefa ou pesquisar na internet para descobrir formas diferentes de fazer a mesma coisa.

Para clarificar, vou te trazer aqui um exemplo: digamos que você não goste de ir ao supermercado, acha chato e não está conseguindo tempo. Procure na sua cidade se existe algum supermercado que faz vendas pela internet. Vou inclusive te deixar algumas opções de abrangência nacional, mas você pode pesquisar opções locais também. www.paodeacucar.com.br/‎ e www.deliveryextra.com.br/.

 

Dica 5: Faça listas

Faça uma relação de tarefas que você tem pendentes e estabeleça um nível de prioridade para elas, assim você vai poder decidir de forma consciente e inteligente o que deve ser feito primeiro.

Você pode usar uma escala de prioridade de 1 a 3, por exemplo, ou então uma letra identificando o que é importante (I), urgente (U) ou circunstancial (C).

Caso tenha adotado a escala de prioridade de 1 a 3, comece pelas que receberam classificação 1 seguindo a ordem numérica. Caso você tenha adotado a classificação das letras comece pelas urgentes que são aquelas que tem prazo curto ou mesmo já vencido. Depois as importantes que são aquelas que tem um prazo mais alongado e por último as circunstanciais.

Você irá perceber que a sua produtividade vai aumentar muito e cada vez mais a sua vontade de fazer as listas e executar as tarefas irá aumentar, porque isso provocará em você memórias com sensações positivas.

Essa lista de tarefas pode ser feita de forma manual (usando papel e caneta), pode ser feita de forma semiautomática que seria em uma planilha eletrônica ou ainda totalmente automatizada através de um app no seu smartphone. Respeite a sua individualidade e use a ferramenta que mais tem a ver, que mais vai funcionar para você. A única coisa que importa é que tem que ser funcional para você.

Vou te deixar alguns exemplos de apps que conheço. Caso você goste de trabalhar com esse tipo de ferramenta: Trello, Evernote, Wunderlist, Any.do, Todoist.

 

Dica 6: Elimine distrações

Quando iniciar uma tarefa detalhada, complexa e que exige muita atenção e foco, elimine todas as distrações: desligue celular (ou coloque no modo silencioso), desligue TV, o som ou outros aparelhos eletrônicos e converse com as pessoas que estão por perto para que elas saibam que não devem lhe interromper.

Dica 7: Se comprometa

Sempre que possível, fale com outras pessoas que você tem determinada tarefa para executar, principalmente se elas forem longas e complexas. Isso vai gerar uma espécie de comprometimento com os outros, te estimulando a concluir, mesmo que seja pela vergonha do fracasso, de assumir que não foi capaz.

Outra dica é se comprometer com você mesmo e definir recompensas. Exemplo: quando eu terminar de ler esse livro, irei à minha cafeteria favorita com as amigas bater um papo sobre os ganhos e aprendizados. Perceba que concluir a tarefa estará associada a uma recompensa muito agradável e isso será uma dose extra de motivação.

 

Dica 8: Perfeição não existe

Entenda que essa ideia de perfeccionismo só favorece a procrastinação. Você nunca acha que está pronto o suficiente para começar alguma coisa. E nunca ficou bom o suficiente para concluir. Saiba que feito é melhor do que perfeito. E a perfeição deve dar lugar a um processo de melhoria contínua.

Faça o que tem que ser feito hoje e se achar que deve, promova melhorias amanhã. Mas você nunca conseguirá melhorar algo que nunca se propôs a fazer ou a concluir. Então é isso, pare de esperar o perfeito e apenas faça.

Recomendo fortemente que você adote algumas dessas dicas (senão todas) e perceberá sua produtividade aumentar assustadoramente. Se jogue!

Deixe o seu comentário