Meu filho é muito chato e birrento! O que fazer? – por Danyelle Bandeira

2065

Em nossos treinamentos percebo muitos pais frustrados com o comportamento dos seus filhos e muitos acreditam que seus filhos tem uma natureza ruim. Cuidado! Vamos esclarecer melhor o que pode estar acontecendo. Alguns pais comentam: “Meu filho não me atende, ele não me escuta, é muito chato e birrento e só para de chorar quando nos submetemos à sua vontade” Algumas crianças são experts em controlar o comportamento dos seus pais, e como isso acontece?

Quando as crianças querem alguma coisa, muitas vezes, o choro ainda é a sua principal forma de se comunicar, quando pequenas não sabem se expressar de forma mais adequada dizendo o que pretendem e para alcançar o que desejam insistem no choro por que aprenderam com seus próprios pais que quando aprontam e abrem o berreiro os mesmos cedem às suas vontades.

Quando atendemos nosso filho imediatamente ao momento em que ela está fazendo a birra e damos o que ele quer e exige estamos reforçando nele que o caminho que o faz ser atendido é o choro, a birra e o berro. Ele aprende que a birra passa a ser o modo pelo qual ele consegue o brinquedo, o doce, a comida fora de hora.

Uma das formas positivas de agir nesse caso é ter a coragem de dizer não ao filho de forma respeitosa, informando a ele quem está no comando, deixando de atendê-lo quando ele fizer o pedido de forma inadequada: gritando, berrando, birrando, se jogando no chão.

E como seria um diálogo com base na Mediação Pais e Filhos e a Disciplina Positiva? Diga a ele: “Filho, a mamãe conversou com você que essa forma de pedir não é adequada, vejo que você está muito irritado, quando você parar de gritar eu pego o seu brinquedo. Dessa forma eu não vou te atender. Acalme-se e fale em tom adequado, sem gritar o que você quer. ”

Seja firme e gentil, informe que está no comando, que a forma que ele utiliza é inadequada, valide sentimentos, lembre-se de um acordo e conversa anterior que tiveram e indique a forma adequada para ele se expressar, fazendo um pedido. Seja forte, cumpra sua promessa, não o chame de chato, ensine-o a fazer um pedido e só o atenda quando ele pedir adequadamente.

Deixe o seu comentário