Relação entre finanças pessoais e autoestima – por Arlene Torres

54
Young woman with a piggy bank on a yellow background

Oi meninas, tudo bem? Hoje vamos falar de algo bastante curioso. Vocês sabiam que existe uma relação forte entre finanças e autoestima? 


Talvez não, até porque muitas mulheres fogem do tema (finanças), mas você precisa se desapegar de velhas crenças e entender que o assunto não é assim tão complexo quanto parece. 


Todos os dias precisamos tomar diversas decisões que impactam em nossas finanças pessoais, desde coisas mais grandiosas como por exemplo: investir em cursos, comprar uma casa, um carro ou investir numa aposentadoria. Como também a coisas mais simples e cotidianas relacionadas aos nossos hábitos de consumo (alimentação, roupas, acessórios, serviços, viagens etc.).


Se você não estiver preparada, se não possuir uma base de informação acerca do universo financeiro, se não tiver um planejamento em relação a isso, certamente tomará decisões equivocadas, afinal, não dá para acertar na decisão sem estar minimamente orientada a cerca das possibilidades. 


Por isso, aprender sobre finanças facilita nossas escolhas. Ter um planejamento financeiro, nos permite ter mais previsibilidade. Ter uma reserva financeira nos dá condições de arriscar em busca dos nossos sonhos. Essa facilidade para tomar decisões, essa estabilidade de sentimentos em relação ao “futuro”, e essa condição favorável para ir em busca do novo, impacta positivamente em nossa autoestima, pois nos deixa mais forte, mais segura e mais encorajada.

E por falar em encorajamento, encorajo você a estudar sobre o assunto. A ter um orçamento pessoal, a fazer uma reserva de segurança, a arriscar-se no mundo dos investimentos. Com o tempo você vai ver que SIM, dinheiro também é assunto de mulher, assim como moda, beleza e autoestima. 

Aproveitando que estamos falando de finanças, quero deixar minha visão sobre liberdade financeira, algo que temos ouvido falar bastante nos últimos tempos e que parece ser tão difícil de se conseguir. Não minha opinião essa tal liberdade não significa necessariamente ser rico. Tem a ver com saber fazer bom uso do dinheiro, mesmo que ele não esteja em abundância em suas mãos. Liberdade financeira para mim tem a ver com ser autossuficiente, ou seja, não depender de terceiros para suprir suas demandas e necessidades básicas. Tem a ver com a capacidade de planejar uma aquisição e realizá-la num tempo determinado. 

Então, posso afirmar que essa tal liberdade que parece ser algo tão distante, é totalmente possível de ser adquirida. E mais uma vez encorajo você a mergulhar nesse universo e conhecer mais sobre finanças pessoais. Já te dei dois bons motivos para isso: te traz liberdade e melhora a autoestima.

Deixe o seu comentário